INFORMATIVO

LAVAMUITO/NEWS

PERSISTÊNCIA DO CORONAVÍRUS NO AMBIENTE. COMO EVITAR A TRANSMISSÃO INDIRETA POR SUPERFÍCIE?

No processo de higienização de tecidos, sanitizantes que contêm peróxido de hidrogênio são capazes de inativar o COVID-19 e outras bactérias nocivas a saúde segundo estudo científico.

O peróxido de hidrogênio em uma concentração de 3% inativou todos os vírus estudados em 1 a 30 minutos. Os vírus COVID-19 e H1N1 influenza foram considerados os mais sensíveis. peróxido de hidrogênio é um meio conveniente para a inativação do vírus.


O vírus pode ser inativado das superfícies com uma solução de etanol (álcool 62 – 71%) ou H2O2 (peróxido de hidrogênio a 0,5%). Usando o produto quimico adequado é possivel inativar os germes e bactérias que causam risco a saúde.

Clique para ler a matéria na integra sobre o peróxido de hidrogênio.
https://www.journalofhospitalinfection.com/article/S0195-6701(20)30046-3/fulltext

Referência bibliográfica
Kampf G et al., Persistence of coronaviruses on inanimate surfaces and their inactivation with biocidal agents, Journal of Hospital Infection.

DESCUBRA MAIS CURIOSIDADES SOBRE SAÚDE E BEM ESTAR.